Religião na Copa não se restringe apenas ao Brasil   Leave a comment

A religião é uma parte importante na vida de muitos jogadores presentes nesta Copa do Mundo, como o brasileiro Kaká, o técnico argentino Diego Maradona e o francês Franck Ribéry, que se converteu ao Islã.

Tais jogadores, assim como qualquer outro nesta situação, devem ser cuidadosos durante todo o Mundial, já que a Fifa proíbe a atletas de qualquer país, liga e competição profissional de fazer gestos religiosos.

Joseph Blatter, presidente da autoridade máxima do futebol mundial, foi taxativo no começo deste ano e se comprometeu a punir qualquer um que fizesse alguma referência à religião em campo.

A gota d’água foi quando a seleção brasileira conquistou a Copa das Confederações, em 2009.

Durante a celebração do título, os jogadores se reuniram no meio do campo e fizeram uma oração e alguns até mostraram mensagens de agradecimento a Deus.

“O gesto dos brasileiros é inaceitável”, afirmou o presidente da Federação Dinamarquesa de Futebol (DBU, em dinamarquês), Jim Stjerne Hansen, o primeiro a criticar tal atitude dos brasileiros.

“A expressão de fervor religioso dos brasileiros durou muito, o que cria uma confusão entre religião e esporte”, escreveu na ocasião em uma carta à Fifa.

“As seitas podem utilizar o futebol como publicidade”, comentou depois a Fifa.

Entre os jogadores de futebol mais religiosos está o brasileiro Kaká. A esposa do jogador do Real Madrid, Caroline Celico, foi notícia por um vídeo no YouTube em que faz um depoimento: “Deus deu ao Real (Madrid) o dinheiro necessário para nos chamar e assim podermos abrir uma igreja evangélica em Madri”.

Quando recebeu a Bola de Ouro em 2007, um dos momentos mais importantes na carreira dele, Kaká também deu mostras de fé.

KAKA COM A CAMISA QUE ESTÁ ESCRITO "EU PERTENÇO A JESUS"!

“Dedico a Deus, porque Ele é que me deu este dom e me permitiu ser feliz com o futebol. Sem Ele não teria conseguido”, afirmou.

 

Nesta terça-feira, o jogador aproveitou uma coletiva para abordar um atrito com o jornalista Juca Kfouri: “Da mesma forma que o respeito como ateu, peço que ele me respeite como alguém que professa a fé através de Jesus Cristo”.

Outros brasileiros muito religiosos são Lúcio e Felipe Melo – este último já manifestou o desejo de ter um cargo na igreja que frequenta no Brasil.

Em uma entrevista concedida ao jornal italiano “La Stampa”, Melo não hesitou em mostrar sua fé e manifestar o desejo de servir a Deus. Também disse que o segundo sonho é “ser campeão da Itália e do Mundo”.

“Estou estudando com o objetivo de ser diácono em minha igreja no Brasil, mas antes tenho que mudar em várias coisas, tenho que demonstrar a cada dia. Por isso estou estudando a Bíblia com um pastor brasileiro missionário. Sempre tive fé, mas fazia coisas erradas”, afirmou.

O francês Franck Ribéry, que se converteu ao islamismo ao se casar com uma mulher de origem marroquina e adotar o nome Bilal, levanta os braços em direção a Alá no início de cada partida.

O atacante sul-coreano do Mônaco, Joo Young Park, reza cada vez que marca um gol.

Uma pessoa muito religiosa também é o técnico argentino Diego Maradona, que se lembrou de Deus em várias ocasiões e tem nas partidas sempre alguma imagem religiosa na mão.

Em 29 de setembro, quando a Albiceleste estava na luta para se classificar ao Mundial, Maradona se entregou às mãos de Deus.

“Ele me salvou muitas vezes; espero que esta vez também”, afirmou Maradona, quando a Argentina estava no quinto lugar no classificatório e ainda não tinha a vaga no Mundial confirmada.

SELEÇÃO DO EGITO AGRADEÇENDO AO SEU DEUS EM CAMPO

Posted Junho 23, 2010 by gospelpost in Uncategorized

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: